segunda-feira, 29 de junho de 2009

UM ÚLTIMO ADEUS...

Michael Jackson se foi na última quinta-feira, pondo fim a uma trajetória repleta de sucesso, trabalho árduo, glamour, polêmicas e uma vida esquisita, protagonizada por um não tão menos estranho representante, mas, sobretudo, uma alma perturbada por fantasmas do passado e que num determinado momento se entregou, não aguentou o fardo.
Minha relação com Michael sempre foi de admiração. O cara reinventou a música Pop, com muito talento e tino pra ser progressista. Deu altíssimos passos e dominou nas décadas de 70, 80 e 90, como ícone pop e do entretenimento. Próximo dele, ainda vivos, talvez Bono Vox ou Madonna...antes dele, Elvis Presley, Beatles, Frank Sinatra...
Na seção "ClipoTHeca Básica" do mês de Maio, coincidentemente estava lá MJ, com um dos clipes que soam atuais até os dias de hoje, ainda que seja de 1982: Thriller, clipe que, antes de assombrar, me magnetizava diante da TV na década em que nasci.
Não estou aqui pra falar das polêmicas ou da estranheza que ronda sua morte, pois com relação a isso, "Sônia Abutrão" e demais programas sensacionalistas já estão se empenhando. Aqui fica um sincero adeus, de um não tão fã, mas bom admirador de seu talento e criatividade. O rei do videoclipe, das danças, da polêmica e do progressismo fará falta!
Quando se torna um mito - aqui empregado no sentido de lenda, de expoente máximo, as barreiras tendem a não serem destruídas. E o nome de Michael Jackson está inserido pra sempre na história.


TH - Rest In Peace, MJ

Um comentário:

Paulo Braccini disse...

parabéns pela referência e pela sua sinceridade ...

caraca sua TRILHA SONORA arrasa ...
viagem pura ...

;-)