sexta-feira, 13 de novembro de 2009

RISCOS NÃO RISCADOS


Rir é correr risco de parecer tolo.
Chorar é correr o risco de parecer sentimental.
Estender a mão é correr o risco de se envolver.
Expor seus sentimentos é correr o risco de mostrar seu verdadeiro eu.
Defender seus sonhos e idéias diante da multidão é correr o risco de perder as pessoas.
Amar é correr o risco de não ser correspondido.
Viver é correr o risco de morrer.
Confiar é correr o risco de se decepcionar.
Tentar é correr o risco de fracassar.
Mas os riscos devem ser corridos, porque o maior perigo é não arriscar nada.
Há pessoas que não correm nenhum risco, não fazem nada, não têm nada e não são nada.
Elas podem até evitar sofrimentos e desilusões, mas elas não conseguem nada, não sentem nada, não mudam, não crescem, não amam, não vivem.
Acorrentadas por suas atitudes, elas viram escravas, privam-se de sua liberdade.
Somente a pessoa que corre riscos é livre!" - Seneca.



-
Quem mais aí não se arrisca? Em outras palavras, quem não vive?

Eu não, obrigado.
Arrisco, assumo os riscos e é exatamente isso que faz minha vida ter conflito, ser movimentada, nada insossa e com muito mais agilidade e emoção a cada dia.
O risco dá o tempero - o prato principal é o que conseguimos filtrar das emoções, alegrias e medos obtidos com ele.
É bem mais vantagem realizar grandes apostas, com o intuito de obter grandiosas vitorias, triunfos, mesmo expondo-se a fracassos do que ser mais um na fila dos que sequer arriscam, os que sequer nadam pra alcançar a orla, não saem do canto. Esses sim, fracassados por excelência.
Eu já tive espírito derrotista sim.
Ou melhor, eu era por eminência pobre de espírito!
Sempre deixava a força do pensamento negativo imperar e não movia um músculo sequer do meu cantinho.
Já estava na hora de firmar um outro estilo de vida, ou pelo menos uma nova forma de enxergá-la.
De acreditar que quando apostamos alto, podemos colher resultados indesejáveis, mas também podemos obter vitórias - aquelas que tanto nos botam pra cima, que fazem nosso ego inflar e o coração explodir.
Tive grandes resultados de aposta de "tudo ou nada" nessa semana e fiquei muito feliz com isso, pois notei que a força do pensamento positivo se sobressai quando estamos apostando alto com a alma em algo que queremos MUITO.
Essa vitória ajudou-me a dar um Up em muitas coisas de minha vida, e agora, prepare-me que ninguém me segura!
Não mesmo
;)


TH - Novinho em folha!

3 comentários:

TH disse...

Falando em riscos, toda essa situação me deu um UP pra ter forças pro maior risco da minha vida: largar tudo aqui! Recomeçar!
CORAGEM!

MCI disse...

É... O mundo é dos OUSADOS.
E de quem não tem medo de lutar pelo que deseja.
Quando ACREDITAMOS em nossos sonhos, todo o Universo conspira a nosso favor - essa é uma GRANDE verdade.
Viver na mornidão é condenar-se ao inferno em vida.
A vida só é GRANDE quando somos coerentes com nossos DESEJOS.
E como eu digo há milênios: a ENERGIA POSITIVA é o que há! =)
Os grandes feitos da humanidade foram realizações de pessoas que ACREDITARAM em seus sonhos e LUTARAM por transformá-los em REALIDADE.
Quem se acomoda acaba vencido pela INÉRCIA.
VENCEDORES não podem ser medrosos e pessimistas: o PRIMEIRO a acreditar EM VOCÊ tem de ser, invariavelmente, VOCÊ MESMO!

=)

Anja da Lua disse...

E quem disse que você nao nasceu vencedor? Pra mim o simples fato de nascermos já nos faz vencedor, pois passamos 9 meses escondidos, até o momento em que resolvemos conhecer o mundo imenso que temos à nossa frente, aprendemos a comer, a caminhar, a falar e principalmente a VIVER. Quer um risco mais do que esse??
Arrisque-se, vença e acima de tudo, seja sempre voce MESMO! Te amo!