quarta-feira, 2 de setembro de 2009

O MENINO DO BARQUINHO DE PAPEL


Ele é especial, porque brilha e essa luz irradia forte em nossas vidas.
Ele tem uma aura de menino que mantém as melhores e mais deliciosas lembranças e desvaneios da "volta às origem" sempre ligados. É divertido sentar junto para relembrar, repescar e reviver aquelas coisas tão aparentemente inúteis pra tantos, mas tão peculiares pra gente. Um simples gibi antigo ou uma brincadeira de outrora. Tudo é tesouro. Tudo é precioso!
Ele é dono de uma inteligência pouco comum e uma habilidade ímpar de brincar com as palavras, um talento muito grande, somado à sua sensibilidade, fazendo brotar poesias do dia-a-dia, e realizando posts memoráveis e muito bem escritos em seus blogues (vários, pois é muito pouco pra tanta bagagem). Além de ser um profissional. ultra competente, que ama o que faz e nos orgulha, só em saber o quanto ele é útil pra muitas pessoas. Alunos que agradecem sempre, seja expressamente ou com resultados vistos e cada vez mais obtidos. Sim, ele os encaminha pra vida, e faz isso com muito afinco - chegando até a ultrapassar seus próprios limites em prol do lado profissional.
O menino conseguiu superar ainda o grande desafio de vir do interior e se estabelecer na cidade grande. São Paulo, pensam alguns, mete medo...capaz até daqueles prédios e torres todas, numa tempestade, tomarem forma de bichos-papões e te engolirem, mas nada disso fez o nosso jovem aniversariante hesitar. Sua determinação e garra, além da vontade enorme de vencer o encorajaram e já está há quase dois anos bem sucedido e estabelecido, com convites quase diários de subir mais ainda!
Num passado pouco distante - tanto no tempo como no espaço (a apenas alguns quilômetros - estatística bem relativa, claro), está sua base Araraquara, palco das grandes descobertas de sua vida e das mais longínquas memórias. Sua família e amigos verdadeiros - que tanto fazem falta na cidade grande, ocupam, de certa forma, um oásis, que ele sempre busca pra se refugiar e restabelecer as forças quando tem oportunidade.
Agora dizem que o menino descobriu o amor...o sentimento que sempre o fez fugir milhas e milhas lhe pregou uma peça daquelas que só a vida nos atribui e o deixou com pensamentos e planejamentos totalmente diversos dos de outrora. Dói? Faz bem? Acalenta? Respostas que ele vai descobrindo no dia-a-dia, e que o farão aprender cada vez mais, até o fim dos dias.
Pra que falar de fim dos dias, afinal? Hoje começa uma nova saga...dia de seu aniversário, mais uma idade, mais experiência, mais um ano de vida e mais 365 noites pra nos abrilhantar com sua presença em nossas vidas. Afinal, como ele mesmo disse uma vez: "abençoados sejam os momentos em que saboreamos verdadeiramente as delícias de viver. E viver ultrapassa. Viver nunca cabe apenas num espaço de um dia. Mas de mais um ano. E mais. E mais...talvez aprender a viver ultrapasse até mesmo essa nossa vida. E se viver é tão forte, tão grande, porque não dividir? Porque não viver junto? Com amigos, com amores, com família. Viver sozinho não basta. Viver é algo bem maior. E todos nós, seus cúmplices, somos felizes pois VIVEMOS COM O MCI!
Um post singelo, de um amigo que sempre vai estar junto =]


TH - Homenageando o aniversariante! Ele merece =]

Um comentário:

MCI disse...

Wordless...

*.*